Scania lança na Europa motor de 13 litros movido por etanol

Já foi a época que nós tínhamos carros, motos, ônibus e até caminhões abastecidos unicamente com álcool. A matriz energética única no mundo para atendimento de uma frota tão grande, fazia do Brasil outro universo, mas o tempo passou e a evolução chegou para quase tudo, menos para o combustível vegetal derivado da cana-de-açúcar, que apenas mudou de nome e agora é o popular etanol. Ainda distante do velho continente em volume, embora os EUA colham do milharal seu E95, a Europa começa a dar os primeiros passos em algo semelhante, o ED95.

O chamado bioetanol é o que moverá o motor Scania DC13-157, que tem seis cilindros em linha e foi originalmente desenvolvido para ser um propulsor diesel, mas agora a marca sueca atualizou-o com um novo sistema de injeção de combustível e componentes mais resistentes para suportar a corrosividade do álcool, mas também ganhou alterações nos pistões para aumentar a compressão, vital para que o etanol possa ter rendimento maior no caminhão nórdico. Mas, um item fundamental nisso tudo é a ignição.

Como o DC13-157 ainda é um motor de ciclo diesel, virtualmente é impossível detonar o etanol sem o uso de velas de ignição por centelha. Mas, como já foi provado pelos paulistanos e habitantes do Grande ABC, motor diesel pode sim usar álcool, desde que haja pelo menos 5% de um reagente ignitor, que permite ao combustível vegetal entrar em combustão por compressão, método básico que agora está sendo chamado de HCCI em futuros motores a gasolina. (Matéria continua)

 (Fonte: Notícias Automotivas, 09/06/2018, https://www.noticiasautomotivas.com.br/scania-lanca-na-europa-motor-de-13-litros-movido-por-etanol/)

Digite o que você procura