Projeto da Usina Vale do Paraná tem capacidade para produzir 17 mil sacas/dia de açúcar

Na safra 2017/2018, a Triniton desenvolveu o projeto da fábrica de açúcar VHP da Usina Vale do Paraná, em Suzanópolis (SP), que contemplou desde a base civil até a pré operação de partida, em tempo recorde. A fábrica de açúcar, 100% automatizada, iniciou suas operações em maio de 2017, com capacidade para produzir 17.000 sacas/dia de açúcar VHP em sacas de 50kg.

O gerente industrial da Usina, Gilberto Stuchi de Andrade, explica que antes de definir o fornecedor, visitou várias usinas e verificou o sucesso dos projetos da Triniton. “Essa implantação aconteceu em tempo recorde de quatro meses e meio, e estamos muito satisfeitos com os resultados. Temos uma planta compacta e moderna”, afirma.

Para o supervisor de manutenção mecânica da Vale do Paraná, Vanderlei Rodrigues, a expectativa foi atingida. “Sei que a empresa ficará um bom tempo sem se preocupar com trocas de equipamentos porque são de ótima qualidade, e com longa vida útil, são bombas, válvulas, redutores, torres, evaporadores, tubulação em inox, vácuos e trocadores de calor de primeira linha, além da parte estrutural de ponta, que não é fixada com solda, mas é parafusada, com perfis muito bem feitos. Estamos muito satisfeitos”, diz.

Turn Key em regime EPC’s – As Triniton oferece as principais soluções Turn Key (chave na mão), com o fornecimento em regime EPC’s (Engineering Procurement and Construction Contracts), ou seja, um tipo de contrato compreendendo em um só instrumento: o projeto, a construção e fabricação e/ou compra de equipamentos, e a montagem para uma determinada obra. “Comprar um pacote completo é muito mais confortável para o cliente, porque não há sobrepreços e há uma garantia maior do investimento, o que minimiza o risco. É preciso ter consciência dos riscos ao comprar os equipamentos separadamente. Por isso é importante buscar uma empresa de confiança”, explica o diretor, Ricardo Canesin.

Projeto Vale do Paraná

Digite o que você procura