Exportação de açúcar e etanol foi prejudicada

A paralisação dos caminhoneiros afetou a produção de cana e as exportações brasileiras de açúcar e etanol. Segundo a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), ontem os embarques estavam sendo realizados apenas com produtos estocados nos terminais portuários.

Em nota à imprensa, a Unica informou que esses estoques estavam quase zerados, o que fez navios nomeados ficarem esperando para atracar no porto de Santos. A entidade destacou que caso não fosse restabelecida a normalidade no abastecimento, todos os embarques de açúcar e etanol seriam paralisados.

O transporte rodoviário de cana e a distribuição de açúcar e etanol pararam em algumas regiões devido aos bloqueios nas estradas e à falta de diesel nos caminhões. Até o transporte ferroviário apresentou dificuldades, já que muitos dos seus equipamentos utilizam diesel.

Do lado da produção de cana, a falta de diesel também atrapalhou a colheita. Em Minas Gerais, 34 usinas suspenderam as vendas de etanol. No Paraná, três unidades reduziram suas operações de produção. Em São Paulo, até ontem, dez usinas estavam paradas.

Em postos de combustíveis de grandes cidades como São Paulo, a corrida dos motoristas às bombas provocou falta de etanol. E isso num momento em que a demanda estava particularmente aquecida, graças, em grande medida, aos aumentos dos preços da gasolina.

De acordo com a Unica, apenas na primeira quinzena de maio as vendas de etanol hidratado (usado diretamente nos tanques dos veículos) das usinas às distribuidoras somaram 759,8 milhões de litros, um recorde para o período.

A entidade reforça que "o resultado reflete, a exemplo das semanas anteriores, a maior competitividade do biocombustível nos postos". Dados da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) compilados pela Unica mostram que em cinco Estados - São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Mato Grosso e Goiás, abastecer com o etanol é economicamente vantajoso em comparação à gasolina. Esses Estados agregam cerca de 55% da frota nacional de veículos leves.

No total, as vendas de etanol hidratado e anidro (misturado à gasolina) alcançaram 1,1 bilhão de litros nos primeiros 15 dias deste mês, 17% mais que em igual intervalo de 2017.

(Fonte: Valor Econômico, 25/05/2018, http://www.valor.com.br/brasil/5548839/exportacao-de-acucar-e-etanol-foi-prejudicada)

Digite o que você procura